domingo, julho 31, 2016

Vitamina


Eu não sou nada sem meu liquidificador. É o eletrodoméstico mais caro da minha casa mas valeu cada centavo. Eu tomo vitamina quase todas as manhãs e a minha favorita é essa:

- uma banana congelada
- manga
- kefir
- leite de amêndoa
- gengibre
- curcuma
- chia 
- canela
- alguma proteína

Muito bom (e saudável)!


Jason Silva

Se você já ouviu falar de Jason Silva, ótimo. Se não, você deveria.
Jason Silva é um filmmaker de 34 anos que fala de filosofia em mídia social. Os vídeos dele são super inspiradores! Estou assistindo um agora em que ele conta que desde a época de escola/adolescência, se encontrava com os amigos numas rodas pra discutir sobre arte e vida. É muito bom mesmo. Já entrei em discussões assim principalmente na semana que passei na Chapada Diamantina. Alimenta a alma e o cérebro, instiga curiosidade, inspira a ser mais.
Daí minha cabeça pensadora viaja em tantas direções.
Vai lá assistir um e me diz o que você achou.

A Conselheira

Eu sou a funcionária mais velha no meu trabalho. Daí os meninos vêm tudo me contar da vida deles, inclusive amorosa. Acho bonitinho. Virei a irmã mais velha da galera, pelo jeito.

Ultimamente tenho várias amigas passando por muito aperto, uns problemas bem difíceis e estou fazendo o máximo pra ser a velha Gisele de outrora e ouví-las pra dar uma força. No Brasil todo mundo vinha desabafar comigo. Acho isso tão importante. Por experiência, a sensação de isolamento é a parte mais difícil nessas horas. 

E agora estava conversando com um amigão do Rio. Somos grandes amigos há 22 anos. Felicidades em manter minhas antigas amizades mesmo fora do Brasil há 16. Daí ele tocou num assunto delicado pra mim. Ele está/estava namorando uma colombiana que mora em NY. Todo carioca que eu conheço é super apegado ao Rio mas como ele não tem muito trabalho agora, resolveu planejar de vir. Daí ela se apavorou e terminou com ele por causa da distância. Só que ele disse que essa coisa de terminar via internet não é pra ele e vai vir de qualquer forma mesmo sem o ok dela. Já até arranjou um lugar pra ficar temporariamente. Ele nunca se deu muito bem na área do amor (assim como eu) mas espero que dê tudo certo dessa vez. Ele merece. Caso contrário, valeu a aventura. 

quinta-feira, julho 21, 2016

Pelas Ruas

Hoje foi a segunda vez esse ano que bati um papo longo com um cara que está nas ruas. Eles sempre têm um bocado de coisa interessante pra falar.
O primeiro passou muitos anos na prisão, foi viciado, casado e disse que está mais feliz nas ruas pois é livre e não deve satisfação pra ninguém. Acho que eu podia passar horas conversando com ele se não fosse o problema de entender só metade do que ele falava.

Vejo que eles têm uma necessidade grande de se comunicarem porque ninguém dá atenção a eles.

Hoje tive outra experiência. Ele veio do Oregon pra cá há 3 semanas de carona e disse que alguém roubou a mala dele. Não sei se é verdade ou não mas ele era bem eloquente, falando de amor, de vida, de não reclamar da vida senão as pessoas desprezam, etc.

terça-feira, julho 19, 2016

Felipe Neto e a Religião

Taí, essas ideias fecham bastante com a minha. Só tem uma coisa. Muitas pessoas dizem que Deus é amor, fé, energia. Então pra que chamar de Deus? Por que não chamar de amor, fé, energia? Por acaso, eu chamo ódio de Diabo ou Darth Vader? Pra que a necessidade de uma entidade? Por que não acreditar simplesmente num mundo melhor em comunhão com a natureza? Em paz, equilíbrio, respeito ao próximo? Não sei, eu sempre acreditei na capacidade de crescimento, em fazer o bem porque é bom fazer o bem independente da existência de um ser supremo. Ainda não entendo a necessidade de se colocar Deus em tudo: em acontecimentos, em tragédias, em problemas e soluções.   Às vezes penso que virou uma palavra banalizada. Americano usa a palavra Deus até na hora de transar.

Sabe o que mais não faz sentido? O ser humano tratar os animais como seres inferiores, prendendo em jaulas, canis, corrente, matando por pele, marfim. Como pode acreditar em Deus e tratar os outros habitantes do planeta desse jeito?


domingo, julho 17, 2016

Música

Hoje tem show do Peter Gabriel & Sting no Hollywood Bowl mas os ingressos estão 200 dólares. Quem me dera...

Pelo menos ontem assisti Brazilian Girls, que de brasileiro não tem nada pois a cantora é francesa e o cantor senegalês, Baaba Maal. De graça.

quinta-feira, julho 14, 2016

Bem-vindo ao caos

Tem gente que fica mal depois de um aspecto falho na vida. Imagina todos? Nos últimos 3 anos, saúde, família, amor, amizade e trabalho foram-se, um a um (e tem gente que ainda me julga por estar assim, ou pior, compara). Não quero mais ser uma lutadora. Me rendo e me entrego ao caos. Pelo menos agora não sobrou nenhuma parte da vida pra cair.
Cansei. Só quero descansar.

segunda-feira, julho 11, 2016

Pokemon

Todo esse fuzuê sobre o Pokemon Go - leia-se Nintendo - na semana que estaria fazendo mudança pra trabalhar lá é meio cruel.

sábado, julho 09, 2016

Spiritual but not Religious

Religiosidade x Espiritualidade

É possível ser espiritual sem acreditar em Deus? Eu nunca aceitei uma divindade suprema (ou pelo menos nunca senti necessidade disto na minha vida) mas sempre acreditei na energia que nos conecta, em reencarnação, em espíritos, alma, em fazer o bem, em querer um mundo melhor sem buscar recompensa etc. Um exemplo dessa energia: você está num lugar cheio de gente e de repente começa a olhar pra uma pessoa. Já percebeu como logo logo ela vira pra você?

Acho que a religião está ligada em disciplina e regras (além de muito sangue) e a espiritualidade é mais livre e geralmente não dita regras de comportamento. Também busco um equilíbrio entre ciência e espiritualidade, e acima de tudo da vida prática. Não adianta só rezar sem fazer nada, né?

Hoje em dia há várias piadinhas sobre ser espiritual mas não religioso. O vídeo de baixo zoou com tudo que acabei de dizer, rsrsrs. A maioria dos sites em português criticam o tema, já os em inglês não tanto.



De um blog cristão (traduzido por mim): 


  • Muitas organizações religiosas exigem que você siga um conjunto externo de regras com base nas experiências dos outros. Espiritualidade incentiva você a buscar suas próprias experiências através da exploração interior e de descoberta.
  • Muitas religiões organizadas são sobre a profundidade de suas crenças. Espiritualidade é sobre a profundidade da sua consciência.
  • Muitas religiões organizadas pregam sobre Deus. Espiritualidade nos encoraja a alcançar a consciência de Deus.
  • Muitas religiões organizadas afirmam que o seu método de adoração é o único caminho a Deus. Espiritualidade sustenta que todos os rios levam ao mesmo oceano. Assim, quando surge um conflito, a religião tende a dividir enquanto a espiritualidade une.

O Preço da Espiritualidade não Religiosa

Faz um bom tempo que eu ando com muita vontade de ir pra um retiro ou fazer umas aulas, terapias mas com excessão de roupas e eletrônicos que são uma barganha, os serviços nos EUA são muito caros.

Por exemplo, acabei de ver o site de uma terapeuta de hipnose. A sessão de 2hs dela custa $300 (dólares)!
Os retiros não saem por menos de $2mil.
As aulas holísticas de um centro são em média $35.
As cerimônias de ayahuasca são em média $500 pro fim de semana. Claro que tem o Santo Daime que é muito mais barato mas passar um dia inteiro cantando sobre Jesus Cristo não é a minha praia.

Tá maluco! Só rico pode ser espiritual? O jeito é continuar na internet e YouTube.
Pelo menos encontrei um Vipassana que é baseado em doação.

Anjos

De vez em quando surgem anjos na vida da gente pra iluminar o pensamento. Um desses anjos me explicou hoje a noite o que está acontecendo na minha vida e agora TUDO faz mais sentido. Foi a melhor explicação do que tem se passado esses anos e nossa, que alívio me deu entender esse processo melhor.
Pela primeira vez em muito tempo, não estou me sentindo uma criatura ruim.
Desculpe manter tudo muito vago mas vou continuar a leitura desse processo.

sexta-feira, julho 08, 2016

Diversidade

Aqui no meu trabalho temos de tudo: latinos, asiáticos, negros, mulheres e brancos; assim como em quase todo o país. E ainda assim esse racismo tão forte em algumas regiões...
Eu lembro que no Rio a polícia também era bem mais agressiva em relação aos negros.
Essa brutalidade policial precisa parar.
#blacklivesmatter

quarta-feira, julho 06, 2016

Gratidão

Uns anos atrás comecei um caderno de gratidão. Dizem que ajuda a gente a ver o mundo com outros olhos. Até agora não senti o resultado porque a enxurrada de más notícias (em todas as áreas da vida) tem sido maior do que o coração aguenta. Estou tomando passos pra tentar melhorar dessa fase mas até agora não encontrei muita coisa pra me apoiar.
Já me afastei de todo mundo pra evitar problemas mas parece que eles (os problemas) têm me perseguido mesmo saindo pouco de casa. Esse atrito que rolou entre eu e meu amigo é difícil porque gosto muito dele e ele sempre me deu muita força mas agora, mesmo sem intenção, ele brincou com a minha vida e foi irresponsável.
Dizem que depois da tempestade vem a bonanza mas será que vai levar muitos anos? Quantos anos de karma ainda preciso pagar? É possível piorar ainda mais?
Desculpe as ladainhas aqui mas não me sinto à vontade pra desabafar em nenhum outro lugar.

Então ao que sou grata hoje em dia:
  • a Nina
  • passar o 4 de julho em Malibu
  • a amizade com a Fê e a Anacris, que me entendem, me aceitam, me dão uma baita força e gostam de mim mesmo no meio da crise